Notícias de Distrito Federal

  • 18/01/2007

    PPPs são opção para financiar obras de grande porte

    A falta de capacidade de investimento do Poder Público faz das parcerias público-privadas (PPPs) a principal opção financeira para a realização de grandes obras, principalmente na área de transporte público. A opinião, do presidente da Associação Brasileira do Parceiro Público-Privado, Orlando Augusto da Silva, fez…
    continuar lendo →

  • 18/01/2007

    PPPs não atrasarão, diz Tesouro

    O secretário do Tesouro Nacional, Tarcísio Godoy, confirmou, em entrevista ao “Estado”, que os técnicos do Tribunal de Contas da União (TCU) apresentaram dúvidas sobre vários aspectos da portaria que fixou normas de contabilização dos gastos públicos com as parcerias público privadas (PPP). Esse questionamento…
    continuar lendo →

  • 18/01/2007

    Divisor de águas

    Apesar de ter alguns sócios em comum, o consórcio que venceu em 2006 a primeira Parceria Público Privada (PPP) montada no Brasil – a da Linha 4 do Metrô – é independente do consórcio que venceu a licitação, feita em 94, para construção de dois…
    continuar lendo →

  • 17/01/2007

    Muito além das parcerias

    Uma das maiores implicações para o setor privado resultante do desmoronamento de parte do túnel que abrigará a futura Linha 4 do metrô paulistano é um possível revés no processo de instituição das parcerias público-privadas (PPP) no Brasil. O contrato feito pela Companhia do Metropolitano…
    continuar lendo →

  • 15/01/2007

    PPP pode atrasar de novo

    ribamaroliveira@estadao.com.br O governo talvez tenha de esperar um pouco mais para fazer o seu primeiro investimento por meio de parceria público-privada (PPP). A razão é que os técnicos do Tribunal de Contas da União (TCU) identificaram algumas inconsistências na portaria 614, da Secretaria do Tesouro…
    continuar lendo →

  • 11/01/2007

    Maus sinais

    CELSO MING, celso.ming@grupoestado.com.br O governo Lula está mandando para o País mais dois maus sinais: o de que suas decisões estão suscetíveis à contaminação ideológica e o de que vacila mais do que já vacilou em questões decididas. Terça-feira, a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma…
    continuar lendo →