Artigos

Empreendedorismo

Sócios de Uma Empresa — 3 Coisas Que Todos Precisam Saber

Sócios de Uma Empresa — 3 Coisas Que Todos Precisam Saber

Quais são os papéis dos sócios de uma empresa? Será que vale a pena construir uma sociedade? Se você está pensando se vale a pena ou não contar com um sócio em sua empresa, saiba que ele pode representar uma ótima oportunidade para seu crescimento, mas deve ser escolhido com muito cuidado.

Descubra neste artigo tudo o que você precisa saber sobre uma sociedade empresarial. Acompanhe!

Sócios de uma empresa — vale a pena ter um?

Sócios de uma empresa vivem como se estivessem em um relacionamento amoroso. Por isso, é de extrema importância entrarem em consenso sobre as decisões tomadas para evitar confusões e problemas futuros. É importante também estabelecer o nível de relação para que assim, pessoal e profissional não se misturem.  

Ter uma sociedade pode ser uma boa estratégia para aumentar os lucros do negócio isso porque, com a ajuda de mais cabeças pensantes, fica mais fácil traçar planos e definir novas possibilidades para alavancar a empresa.

Ao contrário do que muitos pensam, dividir uma empresa não significa tirar a responsabilidade de um e passar para o outro. Cada um dos sócios compartilhará um pouco de seu mundo, suas experiências, seu capital (financeiro ou profissional) e networking, contribuindo, cada um à sua maneira, para o crescimento da empresa.

No Brasil, existem oito tipos mais comuns de sociedade entre empresários. São eles:

  • Sociedade Simples;
  • Sociedade em Nome Coletivo;
  • Sociedade Limitada;
  • Sociedade Anônima;
  • Sociedade Comandita por Ações;
  • Sociedade em Comandita Simples;
  • Sociedade Cooperativa;
  • Sociedade em Conta de Participação.

Conheça e avalie a melhor opção para o seu negócio!

Vamos conhecer agora alguns detalhes importantes que todo empresário deve saber antes de ter sócios?

Delimite a participação de cada um

Quando sócios de uma empresa se reúnem para criar seu empreendimento, cada um se compromete fornecendo o que tem de melhor — habilidades, especialidades e conhecimentos.

Em outras palavras, a participação societária de cada um deve ser diretamente proporcional à sua contribuição para o crescimento da empresa. Seria bom se fosse sempre assim, mas nem sempre acontece: por isso, antes de escolher um sócio, veja se realmente ele poderá contribuir o tanto quanto você está pensando e – com base nisso – estabeleça sua participação no quadro societário

Siga o contrato

Depois de definir as responsabilidades de cada um, o contrato social oficial da empresa deve ser montado. Certifique-se da ajuda de um advogado para avaliar o acordo e parceria antes de ser assinado por ambos. É importante deixar claro o percentual da empresa para cada sócio.

Avalie criteriosamente

Antes de adicionar mais empresários ao seu negócio avalie criteriosamente todas as suas características  – principalmente sua personalidade. Isso porque a partir do momento que vocês firmarem acordo, você terá um parceiro para dividir e consultar opiniões.

Por isso, é importante que o temperamento combine com o seu para que a sociedade traga mais benefícios do que problemas para ambos.

Gostou de saber como escolher os sócios de uma empresa corretamente? Não deixe de acompanhar o Portal ConLicitação para mais matérias como esta!

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *