Artigos

Empreendedorismo

Como Administrar Uma Empresa Financeiramente? Veja Estas Dicas!

Como Administrar Uma Empresa Financeiramente? Veja Estas Dicas!

Entender como administrar uma empresa financeiramente é uma dúvida que muitos empreendedores têm, tanto em começo de carreira como aqueles que já conquistaram seu lugar no mercado.

A questão financeira é algo extremamente importante para um negócio e qualquer equívoco ou falha pode ser um grande problema. Por isso, o ideal é saber fazer a administração da melhor maneira!

Como administrar uma empresa financeiramente?

O principal ponto sobre como administrar uma empresa financeiramente é contar com um planejamento desde o início dos negócios para, então, crescer de maneira saudável

Tanto os empreendimentos menores quanto aqueles que já começam com grandes aportes internacionais precisam ter um planejamento financeiro completo e detalhado.

Ao segui-lo, entretanto, você pode ter alguns obstáculos comuns a qualquer empresa, e para solucioná-los é necessário levar em conta certos detalhes e boas práticas. Veja:

Separe suas finanças das da empresa

Um dos erros mais comuns cometidos por empreendedores dos mais diversos segmentos é trabalhar de forma conjunta as suas finanças e as da empresa. Isso é um problema pois a organização financeira pessoal pouco coincide com o que deve ser feito para gerir um negócio.

Uma empresa precisa de dinheiro em caixa para pagar salários e benefícios, realizar melhorias internas e, claro, pagar as despesas, que provavelmente terão um valor maior do que aquelas de uma família, por exemplo.

Além disso, gastos empresariais impactam no Imposto de Renda de maneira diferente daqueles pessoais. Portanto, separe para não ter problemas!

Conheça as obrigações legais

Caso você ainda não saiba ao certo como administrar uma empresa financeiramente, pode ser que não tenha conhecimento das obrigações legais que deve cumprir mensalmente e anualmente.

A declaração do imposto de renda é um ponto que todos costumam ter no radar, porém, há dois detalhes que às vezes são esquecidos ou deixados de lado: o balanço patrimonial e o DRE (Demonstrativo de Resultado de Exercício).

Ambos são obrigatórios pela lei e precisam ser feitos, respectivamente, anual e mensalmente.

Atente-se aos gastos

Quando uma empresa começa a gerar lucro, é comum que haja o desejo de expandir e fazer melhorias assim que possível. Porém, esse é um momento de poupar, ao invés de gastar.

Isso, logicamente, não impede pequenas mudanças que possam deixar o dia a dia dos trabalhadores mais fácil e confortável, mas tudo deve ser feito com cautela para captar recursos e evitar gastos desnecessários ou exorbitantes.

Mantenha as despesas como estão por alguns meses, assim o lucro extra será realmente um adicional aos investimentos da empresa. Então, após esse período, você poderá fazer todas as melhorias desejadas com uma sobra maior no faturamento geral.

Gostou das dicas sobre como administrar uma empresa financeiramente? Confira mais artigos como esse no Portal ConLicitação!

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *